44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

Psicóloga dá dicas de como se manter produtivo e preservar a saúde mental durante pandemia:

Desde a chegada do vírus no Brasil até o processo de inserção da população em quarentena, o nível de estresse por conta das mudanças sociais tem aumentado; além de impactar o funcionamento do convívio a pandemia também causa efeitos psicológicos.



“É inegável que nos últimos dois meses, as pessoas se tornaram mais sobrecarregadas, devido ao estabelecimento de trabalho em casa.


 


Assim, elas acordam e dormem pensando no trabalho. É necessário que neste momento pandêmico as pessoas saibam fazer a separação do trabalho para que possam descansar”, destaca a psicóloga clínica, Priscila Gomes.



Segundo ela, o home office faz com que as horas de trabalho aumentem, fato que pode se justificar no aumento de 50% nos casos de ansiedade identificados somente no período de quarentena, a demanda teve um salto tanto no cenário público quanto privado.



“É preciso se desligar e ter um tempo offline”, comentou. Ela afirma que a longa exposição às notícias sobre o novo coronavírus abre portas para sensações ansiosas que podem desencadear quadros graves de saúde psicológica, a orientação da profissional é de que sejam vistas somente uma vez ao dia, por meio de uma fonte confiável.



A especialista afirma que este é um momento de adoecimento psicológico comunitário já que toda a sociedade está envolvida no processo e a orientação – quase obrigatória – de ficar em casa, o que permite que seja criada a situação de pressão.



Priscila explica que a mudança retirou a estrutura de vida em que todos estão habituados: a rotina de ir até o trabalho e ter um cronograma para determinar o tempo para cada atividade. A possível ameaça de ser contaminado também faz com que as pessoas estejam mais pressionadas a tomar cuidados rigorosos quanto a proteção.



O cenário familiar também requer de cuidados. Para isso ela orienta que casais passem a fazer uma rotina para o lar, envolvendo até mesmo as crianças para que novos hábitos sejam constituídos.



A divisão das atividades domésticas é uma boa opção, evitando que somente um lado da relação fique sobrecarregado; o mesmo pode ser feito com as tarefas escolares que estão sendo realizadas em casa.



Momentos de lazer como filmes e até mesmo uma conversa sincera entre os familiares são fundamentais para que os laços sejam fortalecidos e preservados nessa época tão crítica.



Porém, a psicóloga é otimista: “é importante termos em mente que a pandemia tem início e já tem um fim determinado. Precisamos apenas a viver nesse meio tempo, ela já tem data para ir embora. Encare esse tempo como uma fonte de aprendizado para rever conceitos e valores, e acima de tudo trazer muito crescimento na vida pessoal e profissional”, concluiu. Fonte: SAP Comunica- Soluções em Comunicação e Marketing



Fonte: Jornal o Regional
Mais Notícias:
  • 30/06/2020 - Prefeito de Atalaia, Fábio Vilhena entrega novo h...
  • 30/06/2020 - Hospital mantido por Itaipu comemora a oitava alta...
  • 30/06/2020 - ESTILO COWBOY
  • 30/06/2020 - A compaixão cristã
  • 30/06/2020 - Como posso começar minha campanha?
  • 30/06/2020 - Dash Board é a nova ferramenta de enfrentamento a...
  • 30/06/2020 - Primeira Fazenda Urbana do Brasil é inaugurada em ...
  • 30/06/2020 - Com investimentos de quase R$ 2,6 milhões Nossa S...
  • 30/06/2020 - UFPR doa 305 litros de álcool glicerinado para a S...
  • 30/06/2020 - Parte da renda dos peixes comercializados será rev...
  • 23/06/2020 - ACIM doa 5 mil máscaras N95 para os municípios da ...
  • 23/06/2020 - Companhia da PM em Mandaguaçu recebe fuzil para r...
  • 23/06/2020 - O Coração de Nova Esperança é Sagrado
  • 23/06/2020 - Acidente automobilístico leva a óbito o médico
  • 23/06/2020 - Refúgio Biológico de Itaipu volta a receber turist...
  • 23/06/2020 - Uma agenda cristã para os nossos problemas sociais
  • 23/06/2020 - A Ação que Conquista Eleitores
  • 23/06/2020 - Condutas vedadas aos Agentes Públicos
  • 23/06/2020 - Nossa Senhora das Graças valorizando “Pratas da Ca...
  • 23/06/2020 - Parque Industrial III de Nova Esperança será pavi...
  • 23/06/2020 - Cancelado o Festival Nacional de Corais de Color...
  • 16/06/2020 - Pedestres já utilizam pista de caminhada no entorn...
  • 16/06/2020 - Colorado entrega novo Centro de Fisioterapia
  • 16/06/2020 - Deputados querem políticas de incentivo para o Ter...
  • 16/06/2020 - Viveiro Municipal está passando pelo processo de r...
  • 16/06/2020 - HU/UEL inaugura primeira fase do Hospital de Retag...
  • 16/06/2020 - A racionalização da ganância
  • 16/06/2020 - Jardim Olinda reduz significativamente o número de...
  • 16/06/2020 - Psicóloga dá dicas de como se manter produtivo e ...
  • 16/06/2020 - Não peça Votos; Conquiste Eleitores
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas