44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

Ordenação Presbiteral do Diácono Lucas Endo Arruda Nitsche:

Até a natureza se manifestou em festa naquele início de noite na cidade de Itaguajé, o sol se pondo no horizonte, anunciava a eternidade da Missão que um jovem iria abraçar na Vocação de levar a palavra de Deus a todos os povos, ele que assumiu como lema em sua vida sacerdotal: “Quem não carrega sua cruz e não vem após mim, não pode ser meu discípulo” (Lucas 14,27).



Lema que o Ministério da Música num cântico emocionante, preparava os corações da assembléia. Festa que aconteceu na Paróquia Nossa Senhora Aparecida no dia 25 último, com o jovem Lucas Endo Arruda Nitsche dizendo o seu “SIM” para a vida sacerdotal, sendo ordenado pela imposição das mãos do Arcebispo Emérito de Manaus, Dom Luiz Soares Vieira, que atualmente reside em Santa Fé e com a presença de 38 sacerdotes da região. Religiosos e religiosas que vieram de todo o Brasil durante toda a semana aproveitaram o raro momento, para motivar e despertar vocações sacerdotais e religiosas nos jovens de Itaguajé e cidades próximas.



Itaguajé que já viu três filhos ordenados sacerdotes: Padre Oscar Rodrigues de Souza (11/02/2001) atualmente atendendo a comunidade de Ivaiporã; Padre Alex Reis Leite Alves (08/12/2014) responsável pela comunidade em Astorga e Padre Lucas Endo Arruda Nitsche ( 25/08/2018) inicia sua trajetória no município de São João do Ivaí; além dos Padres José Amauri de Avis, Valdecir Bonini e Aldair Perina terem algum vínculo familiar em Itaguajé.



A Liturgia da Palavra que teve as leituras (Is 61-2-3ª) (Rm 12, 4-8) e o Evangelho de Lucas (Lc 14-25-33) com Dom Luiz provocando os presentes a uma reflexão sobre o eterno momento desta ordenação, cuja missão do jovem Lucas é anunciar a Boa Nova aos pobres, libertar das prisões que muitas vezes nós mesmos nos colocamos e libertar do pecado, com o sacramento da reconciliação, dirigindo-se ao ordenando dizendo que Deus se serve dele para dizer que as pessoas estão livres de seus pecados. Que ele deve ser um homem de Deus, da Igreja e do Povo.



Após a Liturgia da Palavra o Arcebispo Dom Luiz, iniciou o rito da ordenação presbiteral, chamando o ordenando (Eleição) com as seguintes palavras: “Queira aproximar-se o que vai ser ordenado presbítero”. O jovem Lucas se coloca diante do bispo e responde: “Presente”. Outro sacerdote pede ao bispo que ordene este irmão Lucas para a função de presbítero, o bispo indaga se o candidato é merecedor. Ao que o padre solicitante responde que após ter averiguado junto ao povo de Deus e ouvido os responsáveis, com convicção declara ser testemunha de que o jovem Lucas é digno e diz que com o auxilio de Deus e de Jesus Cristo, Salvador ele foi escolhido.



Após a homilia (Propósito do Eleito) o jovem em pé respondeu às indagações do Bispo: Sobre o desempenho da missão de sacerdote, sendo um fiel colaborador da Ordem Episcopal, apascentando o rebanho do senhor, sob a direção do Espírito Santo; sobre a dignidade e sabedoria em desempenhar o ministério da palavra, proclamando o Evangelho e ensinando a fé católica; sobre celebrar com devoção e fidelidade os mistérios de Cristo, sacrifício eucarístico e sacramento da reconciliação; sobre implorar a misericórdia de Deus em favor do povo a ele confiado e fiel assíduo à oração; sobre unir-se a Cristo que se entregou por nós e com Ele ser consagrado a Deus para a salvação da humanidade. A todas as perguntas, Lucas respondeu: “QUERO”, afirmando publicamente o propósito de aceitar estes encargos. Ajoelhado então coloca suas mãos entre as do Bispo que o interroga sobre a obediência ao Bispo diocesano e ao legítimo superior e ele responde “PROMETO”.



Diante disso, o Bispo convida o povo a rogar a Deus Pai, abundantes graças sobre o servo Lucas, que se prostra literalmente deitado como sinal de entrega total a Deus. Inicia-se então a “Ladainha”.




O ordenando, de joelhos em silêncio recebe a imposição das mãos do Arcebispo e de todos os presbíteros presentes, que pedem a Deus por ele. O Bispo reza a oração da ordenação, em que são citadas as principais tarefas do sacerdote, com destaque para “Dê aos seus servidores a virtude sacerdotal, renovando neles o espírito de santidade”.
A última parte do Rito é representada por alguns símbolos, com a unção das mãos e entrega do pão e do vinho, sendo o jovem revestido com a estola sacerdotal e a casula, que de joelhos estende as mãos que são ungidas pelo bispo com o Santo Óleo do Crisma, tendo suas mãos amarradas que são desamarradas por seus pais, que assim recebem a primeira benção sacerdotal. Em sinal de acolhimento o bispo e o colégio de presbíteros beijam suas mãos e o abraçam.



Inicia-se assim a liturgia eucarística, com o jovem Lucas exercendo pela primeira vez o seu ministério, concelebrando com o bispo e outros membros do presbitério.
Palavras do Novo Sacerdote: “O que dizer diante de tamanha Graça, de tamanho Dom, eu que muitas vezes tive receio de não corresponder à altura este chamado. Acredito na graça divina que sempre me auxiliou. Eis me aqui para fazer a Tua vontade. Não sou eu quem vive, mas é Cristo que vive em mim. Tornar-se Padre é viver o Evangelho, como Jesus viveu, sendo presente como Jesus, que lhe custou vida, pois quem não carrega a sua cruz e não vem após mim, não pode ser meu discípulo. Quero fazer uma memória de agradecimentos: Ao Arcebispo Dom Luiz, por ordenar-me. Também a Dom Celso que me ordenou Diácono. Ao administrador diocesano, Padre João Osório, ponto de unidade. Aos padres formadores, Padres Marcos Teixeira, Marcelo, Marcos, Miguel e Valdecir, que mostraram a mim o caminho.



A todo Clero de Apucarana, disponibilidade em servir. Padres Oscar e Alex, também ordenados em Itaguajé. Aos religiosos e as religiosas que são bênçãos ao longo desta semana. Padre Valdenir, que sempre me auxiliou. A minha estimada família, que construímos juntos uma história bonita; pai e mãe, peço que se alegrem comigo nesta noite vocês que doaram seu filho para a Igreja. Aos meus irmãos Felipe e Vagner a quem amo muito. A avó Leonilda, tios, tias, primos e todos aqui presentes. Peço a oração de todos para sempre perseverar na minha caminhada”.



Ao final da Missa, o bispo reza pedindo que Deus o guarde para cumprir com fidelidade os seus deveres, fazendo-o servo e testemunha da verdade e do amor de Deus, sendo um verdadeiro pastor levando ao seu povo Pão Vivo e Palavras de Vida.



Fonte: Jornal O Regional
Mais Notícias:
  • 12/03/2019 - EDNA ASSUME PREFEITURA DE FLORAÍ
  • 12/03/2019 - Ângulo e FNDE inauguram Escola para 250 crianças
  • 12/03/2019 - Paranacity oficializa a Escolinha de Futebol da Ch...
  • 12/03/2019 - Jardim Bela Vista de Colorado recebe galerias de ...
  • 12/03/2019 - Audiência Pública: Metas Fiscais e Saúde
  • 12/03/2019 - Colorado recebe ônibus 0km do deputado Tiago Amara...
  • 12/03/2019 - Usina Hidrelétrica Colíder entra em operação comer...
  • 12/03/2019 - Atletas da Região partem para Avaliação no CFC
  • 26/02/2019 - Campeonato Regional de Futsal chegou ao final
  • 26/02/2019 - Sessão de Abertura dos Trabalhos do Legislativo de...
  • 26/02/2019 - Campeonato de Futsal de Férias em Floraí
  • 26/02/2019 - Rotary Clube de Santo Inácio festeja 112 anos do R...
  • 26/02/2019 - CONSELEITE: Com boas perspectivas, valores continu...
  • 26/02/2019 - Igreja Presbiteriana Renovada realiza Bazar Solidá...
  • 19/02/2019 - Instalado o CEJUSC no Fórum da Comarca de Colorad...
  • 19/02/2019 - Alunos do CMEI recebem uniformes e kit escolar
  • 19/02/2019 - Campeonato de férias do Futsal em Floraí
  • 19/02/2019 - Paraná propõe a São Paulo convênio inédito para se...
  • 19/02/2019 - Deputado Estadual Soldado Adriano visita município...
  • 19/02/2019 - Flávio Arns apresenta projeto que muda regra do sa...
  • 19/02/2019 - Hemocentro Regional de Maringá realiza coleta de s...
  • 12/02/2019 - Homenagem póstuma a Camilo Bianchini Cossitto
  • 12/02/2019 - Educação de Qualidade ao Alcance de todos
  • 12/02/2019 - Jardim em frente ao Paço Municipal de Cruzeiro do ...
  • 12/02/2019 - Indústria busca matéria-prima e eleva preço da man...
  • 12/02/2019 - Semana pedagógica dá ‘pontapé’ inicial ao ano leti...
  • 12/02/2019 - FAEP E Emater discutem parcerias
  • 12/02/2019 - Senador Oriovisto Guimarães em resposta à nota da ...
  • 12/02/2019 - Flávio Arns cumpre agenda em Paiçandu e Maringá
  • 12/02/2019 - Eventos de ponta acontecidos nestes dias 9 e 10 de...
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas