44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

Encontro da Agricultura Familiar em Paranacity:

Autoridades presentes: Prefeita Sueli Wandrebrook, Vice-Prefeito, Rodolfo Alexandre Vismara; representando o Legislativo a Vereadora Rosa Akiko Iwase Yamamoto; Presidente do Sindicato, Ilton Irineu da Silva; Coordenador da EMATER, Carlos Augusto Del Lucca, que também representava o Governo do Paraná; da FETAEP, Paulo Roberto e Secretário da Agricultura local José Pedro Salomão; na platéia,Agricultores vindos do Estado de São Paulo: Presidente Venceslau - Caiuá e Presidente Prudente. Do Mato Grosso do Sul; Ivinhema e do Paraná: Uniflor, Inajá, Cruzeiro do Sul, Santa Isabel do Ivaí, São João do Caiuá, Terra Rica, Alto Paraná, Colorado, Tamboara, Paranavaí, Nova Esperança e Paranacity.



Abrindo o encontro Ilton Irineu da Silva, Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Paranacity agradeceu a parceria de todos os órgãos envolvidos, o que permite o sucesso de todos os anos e a importância dos interessados que assim adquirem mais informação, e quem não vem, deixa de aprender muitas coisas para obter melhores resultados. São informações que vão desde a obtenção de financiamento, plantio e colheita na produção rural.



Representando a FETAEP, Paulo Roberto diz ser muito produtivo um encontro desta natureza, para que todos possam aprender novas tecnologias e cita a alta produtividade do casulo, que de 300 kg por hectare passou em 15 anos para 1.000 kg, graças a novas técnicas. Esclarece um pouco de estatísticas recentes que de toda área produtiva no Brasil, apenas 24% pertence à agricultura familiar e 76% à grande agricultura e interessante que de cada 4 empregos gerados, três são da agricultura familiar.
Coordenador da EMATER, Carlos Augusto Del Lucca saúda a todos em nome do governo paranaense, explicando ser importante esta parceria que busca soluções para mudar idéias e tecnologias, com o intuito de fazer permanecer o homem no campo, com atividades sustentáveis, porque não adianta nada a pessoa estar no campo e não ter renda suficiente para uma vida digna. Ressalta a importância do Urucum, sendo uma opção muito boa. Del Lucca que estava representando o Governo do Estado, lembrou aos presentes que o SENAR, retorna o imposto que cada agricultor recolhe, promovendo assim capacitação, para atender as necessidades dos agricultores.



A anfitriã Prefeita, Professora Sueli T. Wandrebrook, agradeceu a presença de todos os envolvidos destacando a importância do evento dizendo que “quando nos reunimos para discutir alternativas que visam melhorar a qualidade de vida dos cidadãos é de suma importância para o município, estado e consequentemente a nação. Nosso objetivo e desejo é que saímos daqui a tarde mais comprometidos e mais sábios, diante das questões apresentados.Sucesso”
Foi exibido um vídeo em homenagem aos agricultores e agricultoras do Brasil.



O palestrante Professor Tiago Ribeiro da Costa, ministrou palestra “Agricultura Familiar e Desenvolvimento Regional” ressalta que uma vez que se renova a terra a cada ciclo, o mundo está necessitando também de reciclar o homem e a mulher do campo, no sentido de segurar o jovem na zona rural. Jovem que vai produzir o alimento do futuro é na verdadeira expressão: “A força que movimenta a enxada é a mesma que impulsiona o País”. Para o professor Tiagocom mensagem seguramente clara, dá detalhes sobre a opção na decisão da profissão “Agricultor Familiar” , assunto que conquistou a atenção do público, pelo silêncio da platéia, em uma mensagem de um jovem professor, que alertou os presentes sobre a necessidade urgente de sentirem-se de fato, agricultores familiares e o que os define assim, é a produção de fato familiar, pai, mãe e filhos, produção que não se importa com a quantidade, mas com a qualidade dos produtos que oferece para consumo do meio urbano.



O Mestre Tiago aborda o tema de preconceito em relação ao agricultor familiar, porém a agricultura em si, desde que surgiu é familiar, com contribuições que permite o desenvolvimento, com cada um fazendo o seu papel dentro da sua propriedade. Tiago promove junto à platéia, que eles se sintam valorizados por serem agricultores familiares, levantando a auto-estima de cada um, fazendo explicação sobre as teorias (evolucionista e criacionista) o surgimento a 200 mil anos do homem inteligente e por conseguinte, a vocação para a agricultura, demonstrando a importância histórica da agricultura para a humanidade.



E a sucessão rural é um grande problema que o Brasil tem que enfrentar, dando condições aos que querem continuar que devem ser incentivados, fazendo com que os chamados “Jecas” se sintam orgulhosos em serem produtores rurais e possam ter acesso a políticas públicas que ofereçam conforto onde estão, na zona rural, tanto quanto oferecem para a zona urbana. Discorre também sobre a necessidade de preservação do meio ambiente, cuidando muito da água especialmente.



Seguiram as palestras de Antônio Roberto Gonçalves que trouxe não uma parte técnica, mas sim alternativa de diversificação na lavoura, sobre o abacaxi, um fruto que o mercado paranaense vem importando de outros estados, pela não profissionalização do produtor paranaense, existe um mercado grande ao setor. Pretende falar especialmente sobre oportunidade de negócios com o abacaxi, começando pela origem da fruta que surgiu na região de Guaíra, entre o Paraná e o Paraguai, há centenas de milhares de anos, segundo pesquisas. Tendo desta forma um ambiente favorável ao plantio.



Seguiu-se a palestra do Técnico da EMATER, por Marcelo Hussari Manfioli, ele que é do município mostrou em gráficos e imagens, porque Paranacity é a Capital do Urucum. Sua palestra versa sobre o manejo da cultura do Urucum, com tecnologia que está se iniciando na região. O evento culminou com um jantar de confraternização.



Fonte: Jornal O Regional
Mais Notícias:
  • 13/11/2018 - Uma das heranças: “O DESCASO” do Governo com o in...
  • 13/11/2018 - TJ-PR leva noções de justiça e cidadania às escola...
  • 13/11/2018 - Dr. Severino homem que fez e se tornou história e...
  • 13/11/2018 - Itaipu Binacional abre processo seletivo para pree...
  • 13/11/2018 - Cidadania e Justiça também se aprende na escola
  • 13/11/2018 - São Jorge do Ivaí adquire Trator Agrícola para be...
  • 13/11/2018 - Cruzeiro do Sul conhece o Campeão do Citadino de F...
  • 06/11/2018 - Bolsonaro Presidente do Brasil
  • 06/11/2018 - Cidadãos de Santo Inácio recebem homenagem em Nioa...
  • 06/11/2018 - Novo visual do Cemitério Municipal de Nova Espera...
  • 06/11/2018 - Santo Inácio é destaque em esportes de rendimento ...
  • 06/11/2018 - Câmara Estudantil de Colorado, cidadania e democra...
  • 06/11/2018 - DER abre propostas para trincheiras no Noroeste
  • 06/11/2018 - Sistema de Georreferenciamento de Mandaguaçu é des...
  • 06/11/2018 - Biblioteca Cidadã de Inajá em parceria com o CRAS...
  • 06/11/2018 - 212ª JSM de Cruzeiro do Sul realiza entrega de Ce...
  • 06/11/2018 - 212ª JSM de Cruzeiro do Sul realiza entrega de Ce...
  • 30/10/2018 - Santa Inês promove 2º Café da Manhã em Comemoraçã...
  • 30/10/2018 - SICREDI FLORAÍ HOMENAGEIA FUNCIONALISMO PÚBLICO
  • 30/10/2018 - COPA UNIMED ESCOLAR FLORAÍ CAMPEÃO HANDEBOL FEMINI...
  • 30/10/2018 - Bullying na escola: o que é e como combater
  • 30/10/2018 - Jovem escritora de Paranavaí apresenta seu primeir...
  • 30/10/2018 - “Xadrez” jogo ou disciplina?
  • 23/10/2018 - Paraná dando bom exemplo
  • 23/10/2018 - Escola Municipal João Honório Luiz encerra ao Proj...
  • 23/10/2018 - PROGRAMA A UNIÃO FAZ A VIDA / FLORAÍ
  • 23/10/2018 - Base do serviço aeromédico do Noroeste completa 10...
  • 23/10/2018 - Mais de 150 ciclistas participam do 1º Pedal Solid...
  • 23/10/2018 - Em Paranacity, covers de cantores de fama internac...
  • 16/10/2018 - Manancial Paracatu recebe 7 milhões do programa Mo...
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas