44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

Monitoramento de Parasitismo em Percevejos da Soja em São Jorge do Ivaí :

Foi realizado na última sexta feira (25/8) Reunião Técnica e Prática sonre o Monitoramento de Parasitismo em Percevejos da Cultura da Soja, na Microbacia Km 14, no município de São Jorge do Ivaí. O evento foi organizado pela Unidade Municipal do Instituto Emater e teve como parceiros a Prefeitura Municipal, Sindicato Patronal Rural, Sindicato dos Trabalhadores Rurais e Cooperativa SICREDI União PR/SP.



O evento foi coordenado pelo Engenheiro Agrônomo Claudinei Antonio Minchio que explicou aos participantes as dificuldades do controle dos percevejos para a próxima safra diante da resistência aos principais agrotóxicos presentes no mercado e que diante disso uma alternativa para o seu controle seria o monitoramento feito desde já, a partir de armadilhas colocadas no campo.



Estas armadilhas servirão para identificar as espécies de percevejos existentes, o número de percevejos coletados por armadilhas e se estes percevejos estão ou não parasitados.
Só o monitoramento com o pano de batida tem se mostrado inviável, pois não nos dá certeza se está ocorrendo ou não parasitismo no percevejo ou em outra praga qualquer. A simples visualização da praga no pano de batida não diz se o inseto está parasitado ou não. O monitoramento do parasitismo dará mais confiança ao técnico na hora da recomendação de controle.



O parasitismo nesta fase ocorre principalmente pelo ataque de moscas da família Tachinidae. Estas moscas fazem a postura de seus ovos na parte externa do percevejo. Destes ovos eclodem larvas que penetram o corpo do percevejo, passando a se alimentar do mesmo, instalando aí o parasitismo. “A larva é como um berne que come o percevejo por dentro.”



A armadilha consiste em pequenas frações de amendoim, soja em grãos, feijão vagem, frutos de ligustro e algodão embebido em água para servirem de atrativo alimentar e água aos percevejos. Cada armadilha é identificada com uma bandeirinha para melhor visualização na roça.



Das armadilhas, se forem capturados percevejos, estes serão coletados e encaminhados à unidade municipal da Emater onde o percevejo será deixado em quarentena para verificação se está parasitado ou não.



Os resultados já estão sendo muito animadores. As armadilhas estão funcionando e pode-se verificar a presença de ovos de mosca parasitóides no corpo do percevejo.
A ideia é continuar este tipo de monitoramento associado à utilização do pano de batida até o final da safra.



A meta é evitar o máximo o uso de agrotóxicos de forma desnecessária para não ocorrer mortalidade de inimigos naturais (como a mosca Tachinidae) e se manter baixa a população de percevejos, o que é claramente viável. Com a observação mais constante do grau de parasitismo na lavoura poderemos reduzir a ZERO as aplicações e com isso diminuir a ação dos percevejos sobre as culturas de milho safrinha, aveia e trigo.
A parceria entre as entidades é fundamental para a continuidade deste trabalho.



Fonte: Jornal O Regional
Mais Notícias:
  • 11/12/2017 - Distrito de Copacabana do Norte recebe novas morad...
  • 11/12/2017 - FLORAÍ INAUGURA CENTRO ESPORTIVO COM O PALMEIRAS E...
  • 11/12/2017 - Deputado Tiago Amaral consegue devolução de terren...
  • 11/12/2017 - Cruzeiro do Sul busca recursos para edificar nov...
  • 11/12/2017 - DIA DO FONOAUDIÓLOGO
  • 11/12/2017 - TG promove cerimônia de licenciamento dos atirador...
  • 11/12/2017 - CDIs são entregue à jovens de Itaguajé e Santa Inê...
  • 11/12/2017 - Cohapar realiza sorteio de 133 casas para a popula...
  • 11/12/2017 - 5º Torneio de Pesca ao Tucunaré na Represa Taquaru...
  • 11/12/2017 - Aniversário de Santa Inês foi marcado por música, ...
  • 04/12/2017 - UMA GRANDE NOTÍCIA PARA COLORADO!
  • 04/12/2017 - Itaguajé sedia reunião itinerante da AMUSEP no ani...
  • 04/12/2017 - 1° Festival de Bandas e Fanfarras abre as comemora...
  • 04/12/2017 - Biblioteca Cidadã de Inajá apóia e incentiva tale...
  • 04/12/2017 - Inajá realiza com sucesso o 1º Campeonato Regional...
  • 27/11/2017 - Obras na BR-376 avançam na região
  • 27/11/2017 - Presidente da SANEPAR em Nova Esperança assina con...
  • 27/11/2017 - Exército Brasileiro faz reconhecimento de área no...
  • 27/11/2017 - Sargento Fahur em Nova Esperança
  • 27/11/2017 - Uniflor incentiva Novembro Azul
  • 27/11/2017 - Hospital do Câncer de Barretos Voluntários aumenta...
  • 27/11/2017 - Produção de hortaliças em estufas é tema de curso ...
  • 27/11/2017 - Colégio de Paranapoema tem obras do Escola 1000 fi...
  • 27/11/2017 - Ciclovia que liga Cruzeiro do Sul à Paranacity pel...
  • 20/11/2017 - Alargamento da ponte sobre o Rio Andirá melhora fl...
  • 20/11/2017 - Audiência Pública em Cruzeiro do Sul debate Segura...
  • 20/11/2017 - Inajá completa 56 anos em meio a grandes realizaç...
  • 20/11/2017 - Doação um gesto de amor!!!
  • 20/11/2017 - Anônimos e Voluntários Elos que se encontram
  • 20/11/2017 - Agricultores de São Jorge do Ivaí participam de se...
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas