44 3252-1177

contato@oregionaljornal.com.br

“Dia do Sim” em Paranacity, Cruzeiro do Sul e Inajá:

Entre os dias 26 e 27 de Abril, oitenta e um casamentos coletivos foram realizados nos municípios de Paranacity, Cruzeiro do Sul e Inajá, oficializando a união de casais no “Dia do Sim”. A equipe do Instituto de Registradores de Pessoas Naturais do Paraná (IRPEN) viajou de Curitiba, especialmente para o evento, promovendo o sonho destes casais de paranaenses. 



Este recurso vem do Fundo de Apoio ao Registro Civil das Pessoas Naturais (FUNARPEN), em parceria com os Cartórios e Prefeituras, que visa levar cidadania à população paranaense. Para a 1ª Vice-Presidente do IRPEN, Elisabete Vedovatto, promover este tipo de ação no Estado é importante para formalizar a união dos casais, que passarão assim a gozar de todos os direitos previstos pela Constituição. “Este projeto social tem como principal característica permitir aos nubentes que tenham um documento que regularize suas situações, e com isso possam desfrutar de todos os benefícios que são previstos em Lei, além de servir como base para aperfeiçoar a formação de uma família”, disse. 



Elisabete também destacou que o casamento deve ser respaldado em uma espécie de “tripé” formado por três palavras. “Para que o casamento prospere, é necessário que o “LAR” esteja bem sólido. E cada letra da palavra “LAR” resume bem o que é preciso para que isso ocorra: “L” de Lealdade, “A” de Amor e “R” de Respeito.



Somente com estes três é que o casal pode ter uma vida feliz”, salientou. Em cada dia de visitas, as equipes do IRPEN e FUNARPEN estiveram primeiramente nos Cartórios da cidade, a fim de estreitar os laços dos Institutos com as serventias, para depois realizar os casamentos.



  O Presidente do IRPEN, Arion Toledo Cavalheiro, explicou o objetivo do projeto e destacou a importância do registro civil para a sociedade. Os prefeitos(a) das cidades,  ressaltaram a relevância que a ação trouxe para os munícipes. “Essa ação dos Cartórios é a realização do sonho de pessoas que sempre quiseram se casar e legalizar seu relacionamento perante a sociedade. O IRPEN veio realizar o sonho que às vezes por motivos econômicos não tiveram essa oportunidade,” disseram.


 


PARANACITY


 


A primeira cidade visitada pelas instituições foi Parancity no dia 26 de abril, que tem cerca de 11 mil habitantes, servindo de palco, o Salão Social do Rotary Clube (Casa da Amizade) para a realização de 48 casamentos numa cerimônia coletiva preparada para casais, padrinhos e familiares. 



Nas palavras da oficial de Registro Civil da cidade, Juliany de Andrade Gonçalves, o que fica da realização deste evento é o sentimento de aproximação do cartório com as entidades de classe e principalmente com as famílias. “Fico muito feliz, pois conheço e participo da vida destas pessoas, até por ser uma cidade pequena.



Por eles sempre procurarem o cartório, criamos um vínculo entre nós, o que aumenta ainda mais a minha honra em poder participar deste evento realizado pelo Instituto e Prefeitura. Tenho apenas que agradecer todo o apoio dado nesta etapa”, disse Juliany. Para o promotor da Comarca de Paranacity, Guilherme Frank da Silva Santos, que é recém-chegado na região, o sentimento é de extrema alegria, pois “é gratificante ver estes casais oficializando suas uniões, o que vai passar a dar mais segurança jurídica para todos”. 



Quem também esteve presente na celebração foi a prefeita Sueli Terezinha Wanderbrook, que deu suas impressões sobre a família, os casais e sobre o projeto. “A família é a base de tudo. Partindo dessa premissa, toda a possibilidade que surge de oficializar o relacionamento é essencial para sua a formação, na criação dos filhos e nos laços com a comunidade”, disse. “Ainda mais eu, como professora que sou, e que inclusive lecionei para quase todos estes casais, posso falar da relevância deste ato. Vejo com muito bons olhos este projeto, pois facilitou este processo”, finalizou Sueli.


 


CRUZEIRO DO SUL


 


Apesar de possuir apenas cinco mil habitantes, os munícipes de Cruzeiro do Sul, compareceram em peso ao Centro de Convenções da Terceira Idade, salão escolhido para celebrar a união de 18 casais. O oficial de Registro civil de Cruzeiro do Sul, Marcos


Antonio de Oliveira Masuko, agradeceu o apoio recebido do IRPEN e a Prefeitura.


 


“Agradeço às duas instituições, mas um destaque ao FUNARPEN, pois sem a ajuda financeira destinada, o nosso trabalho estaria bem prejudicado por causa da gratuidade.
Então a passagem de vocês aqui vai ficar marcada para os noivos e para toda a cidade”, falou Masuko. “Agradeço, em nome da prefeitura, a participação do IRPEN e do FUNARPEN, pois puderam proporcionar que este evento fosse hoje realizado. Este é um evento que, para a nossa população, tem grande importância, pois está sendo dada a estas pessoas a possibilidade de terem registradas suas uniões, o que é muito importante para a solidificação de uma família.



Por isso quero dar os parabéns a vocês, que proporcionaram este momento único para todos nós” agradeceu assim, o vice-prefeito da cidade, Marcos César Sugigan. O juiz de paz, Antonio Sarrão Neto, falou sobre a importância da segurança jurídica do casamento. “Regularizando a situação do casal, todos ganham: além do casal, os filhos e familiares, pois tendo em mãos a Certidão, juridicamente o casal tem seus direitos civis, que são assegurados pela Constituição, garantidos”.


 


INAJÁ


 


O município  de Inajá, de cerca de três mil habitantes, foi palco de 15 casamentos no segundo dia do “Dia do Sim” no salão de festas do Clube da Piscina, na tarde do dia 27 de abril. O destaque do dia foi a personalização das camisetas dos casais, que além de aderirem ao Dia do Sim, estamparam em suas camisas a realização deste ato único na vida de cada um deles.  



Para a cerimônia, estava presente o oficial substituto do cartório, Bruno Henrique de Assis, já que o titular, Vanildo Afonso de Oliveira Campos, conhecido na cidade como “São Pedro”, não esteve presente por motivos de saúde. No início da cerimônia, Bruno Henrique, falou sobre o dia único que estava sendo para o Registro Civil de Inajá. “É um dia único para Inajá, pois estamos realizando o casamento destes 15 casais, o que fortalece ainda mais os vínculos de vocês, que já estavam em uma situação de união estável.



Por isso é uma imensa alegria para nós poder fazer parte desta história”. Na seqüência o prefeito de Inajá, Eduardo Cintra Lugli,  também vestido com a camiseta estilizada do “Dia do Sim”, disse aos casais sobre o bem maior que eles já possuíam e agora se oficializou: a família. “Invistam na família. Coloquem amor, carinho e companheirismo, pois isso é o que a move toda a sociedade e é o maior bem que vocês tem, ainda mais agora, casados”. 



Lugli ainda falou sobre a importância do trabalho do IRPEN e do Cartório na concretização deste ato. “Esta iniciativa deste instituições ajudou muito nossa pequena cidade a se fortalecer, pois penso que a família é a base da sociedade, e se ela não estiver bem segura, nossa cidade, e principalmente o nosso País, não ruma para o lado certo” arrematou o prefeito. Apesar da ansiedade em estar realizando seu primeiro casamento coletivo, a juíza de paz do município, Tereza Martins Consoli, aconselhou aos casais que o intenso diálogo é o segredo para um relacionamento duradouro. 



Depois de uma maratona de três casamentos comunitários em dois dias, o juiz de Direito da Comarca de Paranacity,  Christian Reny Gonçalves, ressaltou o principal papel do trabalho realizado. “É de fundamental importância para a comunidade identificar a proximidade do Registro Civil das demais instituições constituídas, como o Poder Judiciário, Ministério Público, Legislativo e Executivo com este intuito de regularizar esta situação que já é fática, e assim ofertar maior segurança jurídica para estas famílias.



É importante também destacar que a realização deste tipo de evento em cidades com população pequena, uma vez que a celebração de casamentos comunitários gratuitos renova na população este sentimento de confiança nas instituições e nas autoridades constituídas”, afirmou.



Fonte: Jornal O Regional
Mais Notícias:
  • 20/11/2017 - Alargamento da ponte sobre o Rio Andirá melhora fl...
  • 20/11/2017 - Audiência Pública em Cruzeiro do Sul debate Segura...
  • 20/11/2017 - Inajá completa 56 anos em meio a grandes realizaç...
  • 20/11/2017 - Doação um gesto de amor!!!
  • 20/11/2017 - Anônimos e Voluntários Elos que se encontram
  • 20/11/2017 - Agricultores de São Jorge do Ivaí participam de se...
  • 20/11/2017 - Entrega de CDIs em Floraí
  • 20/11/2017 - Jardim Olinda realiza mais um curso de derivados d...
  • 06/11/2017 - Janaina Alves de Góes, Professora destaque da regi...
  • 06/11/2017 - SOLIDARIEDADE
  • 06/11/2017 - Ourizona e Campo Mourão decidem final masculina do...
  • 06/11/2017 - Itaguajé realizou 1º Bingo Café para idosos
  • 06/11/2017 - O Município de Cruzeiro do Sul realiza fase estrat...
  • 06/11/2017 - Recurso para aquisição de Ônibus Escolar 0km é ass...
  • 06/11/2017 - Distrito Alto Alegre em Colorado recebe Praça Esp...
  • 06/11/2017 - Cruzeiro do Sul sedia Torneio Regional de Gueitebo...
  • 06/11/2017 - Outubro Rosa inspira atividades em prol da prevenç...
  • 30/10/2017 - Balões Rosa são soltos ao Céu em Santa Inês simbo...
  • 30/10/2017 - Prefeita Professora Leu realiza Jantar de Confrate...
  • 30/10/2017 - Acontece em Itaguajé solenidade em homenagem ao Sa...
  • 30/10/2017 - Palestra sobre Segurança Pública em Floraí
  • 30/10/2017 - Comunidade São Judas Tadeu na Vila Regina festeja ...
  • 30/10/2017 - 28 de Outubro Dia do Servidor: café da manhã, conf...
  • 23/10/2017 - Professora Leu assina Plano de Carreira do Magisté...
  • 23/10/2017 - Castração gratuita de cães e gatos agora é Lei em ...
  • 23/10/2017 - Desenvolvimento Territorial do “Pirapanema” conclu...
  • 23/10/2017 - Agricultores de São Jorge do Ivaí aprendem a faze...
  • 23/10/2017 - 176 novas moradias para Floraí
  • 16/10/2017 - Prefeito Juninho de Itaguajé anuncia nova secretár...
  • 16/10/2017 - Richa recepciona profissionais que vão atuar no P...
  • Endereço Rua Lord Lovat, 500 - Centro Nova Esperança-PR | CEP: 87600-000 Fone: (44) 3252-1177
    Desenvolvimento Hnet Sistemas